Alocasia Amazonica – Orelha de Elefante

Dicas de cultivo e rega para Alocasia Amazonica ou “Orelha de elefante”

Cuidados com Alocasia Amazonica, dicas de rega, cultivo replantio.

Se você busca uma planta original a Alocasia Amazonica é a planta que você procura. Sua folhagem nervurada se apresenta de forma a não passar despercebida.

Qual a origem da Alocasia Amazonica?

Alocasia Amazonica é originária da ásia tropical e subtropical. No seu meio natural ela vive a sombra de arvores em densas florestas tropicais em um ambiente constantemente úmido e quente. 

O que preciso saber sobre a alocasia amazonica? Sinais distintivos e características

Conhecida popularmente como “orelha de elefante” em função do formato inusitado de suas grandes folhas. O inhame (alocasia macrorrhiza), legume que você certamente conhece, faz parte da mesma família da “orelha de elefante”. Ele é cultivado pelas suas raízes (comestíveis) e não por sua folhagem, apesar de apresentar folhas gigantes de até 90 cm de comprimento.

Onde posicionar sua Alocasia Amazonica em casa?

Habituada ao calor dos nossos trópicos você pode colocá-la em um cômodo com temperatura média entre 15 e 25 graus (até mais nos dias de calor), ao abrigo das correntes ar, lembre-se que em seu habitat original, ela cresce no meio de florestas profundas ao abrigo dos ventos fortes. Para as regiões mais frias do país, recomenda-se atenção especial aos dias mais frios do ano para que sua planta não sofra por excesso de frio.

Ela adora uma boa luminosidade, mas não suporta luz direta, procure posiciona-la próximo a janelas, mas nunca sob os raios diretos do sol, pois pode queimar as suas folhas. De preferência para janelas com cortinas. Alocasia amazonica suporta muito bem a meia sombra.

Leia também:

As folhas da sua Alocasia Amazonica estão queimadas?

Se as folhas escurecem certamente sua planta pegou alguma “virose”. Nesses casos não jogue sua Alocasia Amazonica fora: as folhas vão cair certamente, mas novas folhas vão nascer se a raiz (rizoma) estiver vivo e saudavél.

Planta tropical por excelência, a Alocasia Amazonica ama os ambientes úmidos e quentes. Certifique-se de manter o substrato do vaso sempre úmido, mas nunca encharcado. Como quase todas as plantas de interior, a Alocasia Amazonica detesta ficar com as raízes molhadas, evite deixar que a água se acumule nos pratinhos de vaso ou cachepôs. Aconselhamos a regar pouco, mas com regularidade. Durante o período de maior calor no verão, faça regas moderadas a cada dois dias, isso fará todo o diferencial para que sua planta fique exuberante.

Dica para sua “reconciliação vegetal”: Nós aconselhamos que você posicione sua Alocasia Amazonica sobre um prato para vaso preenchido com argila expandida. Procure um prato maior que o vaso, essa dica tem duas vantagens:

  • Ela diminui os riscos de apodrecimento das raízes, elevando seu vaso e evitando os excessos da rega.
  • Aumenta a taxa de umidade ao redor da sua Alocasia Amazonica, e plantas tropicais amam ambientes úmidos (uma ótima dica para os invernos frios e secos das regiões sul, sudeste e centro-oeste. Na verdade, a argila expandida no prato do vaso vai absorver os excessos de água da rega e restituir lentamente por evaporação em torno do vaso e da planta, aumentando assim o índice de umidade. Isso previne e limita a secagem das folhas de certas plantas tropicais.

Quais são as principais pragas da Alocasia Amazonica?

Sempre fique de olho na folhagem, pois umas principais pragas que atacam as folhas da Alocasia amazonica é o ácaro vermelho. Para prevenir que eles apareçam na sua planta sempre borrife água na folhagem, os ácaros vermelhos odeiam umidade, se a infestação for muito grande, você terá que desfolhar toda planta, mas não se preocupe, ela vai rebrotar saudável novamente.

Gostou das dicas? Sempre fique de olho em nossas novas postagens estamos pesquisando para trazer o melhor da jardinagem no Brasil e no mundo na palma da sua mão.

1 comentário em “Alocasia Amazonica – Orelha de Elefante”

  1. Pingback: Tudo Sobre A Suculenta Orelha De Shrek | Suculentas Love

Comentários fechados.