Plantas Orelha de Elefante: Alocasias, Kalanchoe

colagem das suculentas kalanchoe luciae e alocasia amazonica. conhecidas como relha de elefante

Algumas espécies de planta são conhecidas como ‘Orelha de Elefante’, estas são as plantas Colocasia e Alocasia, como a Alocásia Polly, Alocásia Amazônica e também a Suculenta Orelha de Elefante (espécie de nome científico Kalanchoe), que na verdade é da família Crassulaceae. Essas plantas são chamadas de “orelha de elefante” por terem uma aparência que lembra de fato a aparência das orelhas de um elefante, com algumas variedades podendo chegar a tamanhos bem grandes. Por esta razão, é fácil identificar as plantas dessa família.

Neste post, vamos falar sobre os três tipos mais populares das plantas orelha de elefante, incluindo a nossa especialidade: a suculenta orelha de elefante, diferenças entre essas variedades, como cuidar, entre outras informações. Aqui no blog você também pode encontrar informações sobre diversas outras plantas, além das suculentas.

Ficha de Informações Sobre a Orelha de Elefante

Alocásia Polly e Amazônica

planta alocasia amazonica, orelha de elefante
@di_plantlover
Varias ramificações da planta orelha de elefante, Alocasia amazonica numa sala
@trowelsanddirt

Botânica da Orelha de Elefante

  • Nome cientifico: Alocasia
  • Família: Aráceas ou Araceae
  • Origem: Regiões tropicais úmidas do sudeste asiático
  • Época de floração: Primavera e verão
  • Flor: Amarelo claro
  • Ciclo de vida: Perene
  • Folhagem: Verde forte
  • Tamanho (em média): 30 cm a 60 cm de altura, e se espalha também para os lados de 30 cm a 60 cm
  • Toxicidade: Tóxico para cachorros, gatos e pessoas

Plantio e Cultivo da Orelha de Elefante

  • Robustez (ou resistência): Forte, exige pouco cuidado
  • Exposição: Luz clara indireta
  • Rega: Padrão
  • Solo: Argila esfarelada, solo bem aerado e drenado
  • Acidez/pH do solo: 5.5 a 6.5 (levemente ácido)
  • Umidade: Úmido, mas bem drenado
  • Multiplicação: Divisão pela raiz
  • Pragas: Ácaros aranha

Leia também: Alocasia Amazonica – Orelha de Elefante

Como Cuidar da Orelha de Elefante Alocásia Polly e Amazônica

varias mudas de alocasia polly ou orelha de elefante num vaso branco
@casaejardim

A orelha de elefante, seja qual for a variedade, é uma planta que chama atenção por ser bastante diferente. Ela tem folhas com um visual muito interessante; um formato pontudo e ondulado, com linhas grossas verde lima e um verde forte brilhante. Isso sem mencionar que as numerosas folhas se espalham por todos os lados.

A Orelha de Elefante é mesmo uma planta que fica linda na decoração, transformando um ambiente vazio rapidamente num ambiente com personalidade e um ar de sofisticação, enquanto ainda mantendo a sensação de conexão com a natureza que toda planta traz.  Mas como cuidar da sua planta orelha de elefante, Alocásia Polly ou Alocásia Amazônica?

Luz Solar

A planta orelha de elefante é ótima para ter dentro de casa. Ela gosta de luz solar não direta. Por isso, certifique-se de que a planta esteja na sombra ou que a luz solar seja filtrada (como através de uma cortina) para evitar raios diretos. A Alocasia Polly, por exemplo, é propensa a folhas queimadas após exposição direta ao sol.

Umidade, Rega

  A orelha de elefante gosta de um solo sempre úmido (não encharcado, mas úmido). Essa planta não gosta de secar entre as regas, por isso, é bom ter uma rotina de rega para a sua orelha de elefante, de acordo com a umidade e clima do local onde a planta está.

Descubra: Tudo Sobre a Planta Jasmim do Caribe (plumeria pudica)

 Geralmente, quando a camada superior do solo começa a ficar ligeiramente seca, a orelha de elefante está pronta para ser regada de novo.

Dicas para regar a sua planta orelha de elefante:

  • Deixe a água escorrer pelos buracos no fundo do vaso para garantir que as raízes fiquem expostas à água
  • Verifique se há excesso de água no pires, pois isso pode levar à podridão das raízes
  • A orelha de elefante não gosta de solo encharcado, então é preciso encontrar um equilíbrio para determinar quanta água será necessária, mas quando descobrir, vai ser simples de cuidar
  • Lembre-se que a orelha de elefante vai precisar de mais água no verão e menos no inverno.

Folhas com Pontas Marrons Indicam Pouca Umidade

Se você notar que as pontas das folhas da sua planta orelha de elefante estão ficando marrons, isso geralmente é um sinal de que a planta precisa de umidade extra. Você pode borrifar levemente a planta com água (tenha cuidado, pois em excesso isso pode causar fungos) ou você pode adicionar uma camada de cascalho para manter o solo mais úmido, fazendo uma camada de drenagem.

Solo

A planta orelha de elefante gosta de solo turfoso, bem drenado e rico em produtos orgânicos. Este tipo de solo ajuda a reter a umidade por mais tempo, portanto, lembre-se disso ao regar.

Continue a Ler: Flores Impatiens: Conheça os Cuidados da Flor Beinjinho

Fertilizante

A planta orelha de elefante precisa de fertilizante na primavera e no verão. Usando um fertilizante granular para plantas domésticas (qualquer um vai funcionar), aplique metade da quantidade recomendada cerca de uma vez por mês. Conforme a planta entra nos meses mais frios, interrompa a fertilização para manter a dormência da planta.

Replantio

alocasia amazonica, orelha de elefante  com folhas murchas num vaso barro,
@fidanburadacom

A planta orelha de elefante gosta de ficar bem acomodada e apertada em seu vaso, porém, a cada dois anos, ou dependendo do crescimento da planta, você vai precisar replantar. Isso significa aumentar o tamanho para um pote com pelo menos 5 cm de diâmetro. O replantio é crucial para ajudar no crescimento contínuo da planta.

Como Propagar a Planta Orelha de Elefante

A maioria das plantas Alocasia pode ser propagada por touceira (ou divisão do rizoma). Corte um pedaço do rizoma subterrâneo e coloque-o separadamente num pote. Mantenha-o aquecido e úmido até que um novo crescimento comece.

Pragas

A planta orelha de elefante raramente tem pragas ou pestes, porém, quando têm, é comum que sejam ácaros-aranha. Não é difícil se livrar deles se descobertos logo no começo.

Descubra: Tudo Sobre a Suculenta Kalanchoe Marmorata

Ficha de Informações Sobre a Suculenta “Orelha de Elefante

kalanchoe orelha de elefante num vaso de barro  ao lado de outras plantas na varanda da janela
@fatimareginaroyer

Botânica da Suculenta Orelha de Elefante

  • Nome cientifico: Kalanchoe thyrsiflora ou luciae
  • Família: Crassulaceae
  • Origem: África, Madagascar
  • Época de floração: Ano inteiro
  • Tipo: Suculenta, Herbácea
  • Ciclo de vida: Perene
  • Folhagem: Verde claro com bordas avermelhadas, folhas suculentas
  • Tamanho (em média): 30 cm a 60 cm de altura, e se espalha também para os lados de 30 cm a 60 cm
  • Toxicidade: Tóxico para cachorros, gatos e pessoas

Plantio e Cultivo da Suculenta Orelha de Elefante

  • Robustez (ou resistência): Forte, requer pouco cuidado ou cuidados comuns a outras suculentas
  • Exposição: Sol total ou parcial
  • Solo: Argila, areia
  • Acidez/pH do solo: Ácido, alcalino, neutro
  • Umidade: Mais para seco, bem drenado
  • Propagação/Multiplicação: Folhas, estacas ou sementes
  • Pragas: Cochonilha-farinhenta

Como Cuidar da Suculenta Orelha de Elefante

kalanchoe orelha de elefante num arranjo com o cacto macarrão
@zeetyssucculents

 A suculenta Orelha de Elefante é uma planta peculiar que cresce em formato de “repolho” ou “flor”, com folhas redondas, achatadas e rechonchudas se espalhando por todos os lados. Ao serem expostas a luz do sol, as pontas das folhas ficam vermelhas. É uma graça para decorar sua casa ou jardim. Mas como cuidar da suculenta orelha de elefante com sucesso?

Leia Também: 15 Suculentas de Sombra Para Ter Em Casa

 Luz solar

mudinha da kalanchoe orelha de elefante num vaso branco
@palaverplants

A suculenta orelha de elefante prospera sob luz forte e sol o ano todo, por isso, deixe ela na sua janela mais ensolarada. Gire o vaso a cada semana para expor todos os lados da planta à luz solar. Embora essa suculenta tolere pouca luz por um tempo, suas folhas podem começar a murchar.

 Umidade

 A suculenta orelha de elefante não gosta de solo muito molhado ou encharcado. Por isso, é recomendado plantar num vaso com boa drenagem. Terra para cactos é uma boa pedida.

Como e Quanto Regar a Suculenta Orelha de Elefante

Regue abundantemente, então, deixe secar os primeiros 2 centímetros do solo entre as regas. É importante não deixar o solo ficar encharcado, pois as raízes podem apodrecer. Não molhe as folhas para evitar apodrecimento; regue a terra ao redor da planta.

Lembre-se de sempre usar água em temperatura ambiente ao regar as plantas em sua casa, pois a água gelada é um choque para elas.

Replantio

Replante a sua suculenta orelha de elefante durante a primavera, e quando ela estiver parecendo muito apertada no vaso. Use um recipiente que seja apenas um pouco maior. Porque? As plantas crescem melhor quando suas raízes estão firmes no vaso.

Como Propagar Suculenta Orelha de Elefante

vaso cheio de mudas da kalanchoe orelha de elefante
@succsatsunset

A suculenta orelha de elefante pode ser propagada através de suas folhas, ou por sementes.

Para propagar a suculenta orelha de elefante através das suas folhas, tire as folhas na primavera ou no verão e plante em uma mistura úmida para cactos.

Pode ser mais fácil ou prático propagar a partir da semente; você pode encontrar sementes online. Pode ser uma boa ideia usar um tapete térmico para germinação de sementes; estacas de suculentas e sementes enraízam-se mais rapidamente ao se manter uma temperatura uniforme de 21° C.

Descubra: 9 Suculentas Coloridas e Florescentes para Interiores

Problemas comuns da suculenta Orelha de Elefante: Folhas caídas ou murchando

  • Folhas murchas: Se as folhas da sua suculenta orelha de elefante estiverem parecendo caídas ou desanimadas, pode ser por causa de pouca luz solar, excesso de água ou extrema falta de água.  Cuidado para não regar a copa da planta porque ela apodrece; regue a terra ao redor da planta.
  • Cochonilha-farinhenta: Geralmente, as suculentas orelha de elefante não têm pragas ou pestes, mas quando têm, é comum que sejam cochonilhas-farinhentas. Fique atento para essas manchas brancas semelhantes a algodão agrupadas na base da planta. Isole qualquer planta infectada para evitar que ela passe para suas outras plantas domésticas e cuide dela imediatamente.

Deixe um comentário